The eyes of a Mermaid: ACMA | Como combater o Bullying

ACMA | Como combater o Bullying

Para o primeiro subtema do A Cultura Mora Aqui (se ainda não conhecem o projeto cliquem aqui), escolhi um tema bastante sério, e que acho que faz realmente falta de se falar. O bullying é uma realidade bastante triste da nossa sociedade, que pode não vir só de agressões físicas, como também atos violentos de agressões psicológicas. A primeira coisa que vos posso dizer, é que sim, eu passei por bullying durante alguns anos enquanto estudava. E que existem realmente pessoas que fazem mesmo gosto de ver as outras mal, nunca percebi bem porquê. Ou porque não usamos roupa da moda, ou porque temos acne, ou porque somos demasiado fortes ou demasiado magros, ou porque não tens a mesma religião, ou porque somos de outra etnia, ou porque temos outra orientação sexual, ou porque a tua prima tem um gato feio, não interessa o porquê - a verdade é que quem gosta de o fazer, vai sempre arranjar um motivo. Por isso posso por experiência própria, dizer-vos o que vocês devem fazer para que o bullying não seja algo presente nas vossas vidas - seja na escola, no trabalho, nas redes sociais, ou até mesmo em família, como também já assisti. Espero que estes 5 passos que enumerei, de alguma forma ajudem quem precisar.


1. Acredita em ti próprio

Isto é o mais importante. Se tu acreditares, confiares e gostares de ti próprio, as críticas e comentários dos outros não te vão afectar tanto. Se eles te chamam nomes, ou se tem uma ideia completamente errada de ti, o que interessa é que tu saibas o que vales e que te sentes bem contigo próprio exactamente da maneira que és/estás. 

2. Rodeia-te de quem te quer bem

Eu sei que nestas alturas parece que não há ninguém à nossa volta que esteja disposto a ajudar, e acabamos por nos isolar e ficar sozinhos muitas vezes. Mas isso não é bem verdade. Há sempre alguém que te apoia, seja fora da tua turma, ou até mesmo da escola. E é essas pessoas que tu vais precisar ter ao teu lado. 

3. Desabafa e pede ajuda!

Compreendo que seja difícil conseguires admitir e falar sobre o assunto, mas acredita em mim, é o melhor que tens a fazer. Podes desabafar com alguém da tua família, com um amigo,  com um psicólogo (existe sempre um nas escolas), ou a um número de apoio como o 808 968 888 (apoio ao bullying) ou o 213 544 545 (apoio voz amiga). Às vezes até é mais fácil falar sobre o assunto com alguém que não conheças bem, como por exemplo um amigo de um amigo.

4. Não fiques calado

É importante que quando ouves comentários sobre ti, te defendas. Não ignores simplesmente a situação. Age com superioridade e com calma, e mostra-lhes que as coisas não são como eles pensam. Tenta fazê-los pensar que estão a ser imaturos e que não vais baixar ao nível deles.

5. Encontra algo que gostes de fazer

Distraíres-te da situação e evolveres-te com novas actividades e consequentemente com novas pessoas vai fazer-te sentir melhor. É bom que além de te dedicares aos estudos, fazeres algo que gostes é muito bom para te sentires bem contigo próprio. Podes dedicar-te a algum desporto, ou a aprenderes a tocar algum instrumento musical, ou até criares um blog, porque não? 

31 comentários:

  1. Olá Rafaela, tudo bem? :)
    Também já sofri de bullying por parte dos meus 'amigos' e posso dizer que hoje, quando olho para trás e me lembro dessas alturas percebo que isso só me fez crescer e admito que me tornou uma pessoa um pouco menos aberta a novas amizades mas acredito que isso também seja bom pois eu acreditava em tudo o que me diziam, confiava em toda a gente, tudo isto muito facilmente!
    Adorei o teu post e gostava de ter visto isto em algum outro lugar na altura que eu passava por isto (há uns 5 anos atrás, era apenas uma criança...) pois nunca tive nada nem ninguém para me apoiar, para me ajudar a superar isto... Acabando por ficar também várias marcas que acredito que nunca vá ser capaz de apagar, hoje passo por essas pessoas na rua e elas baixam a cabeça, acredito que saibam que não me metem mais medo, que eu já me sei defender, que eu estou mais crescida e confiante de mim mesma, e acima de tudo, que não vou deixar que me voltem a rebaixar!
    Beijinho e tem uma excelente semana❤
    Alexandra's World

    *Se quiseres passar no meu blog também, tenho um post novo e ficarei muito grata!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo comentário Alexandra! O que interessa é que ultrapassamos estas situações e crescemos com isto. Vou passar pelo teu blog sim! Beijinho :)

      Eliminar
  2. Por vezes, o bullying psicológico consegue ser muito mais violento do que o físico, e digo isto por experiência própria. Importante seria se tanto estas tuas palavras, como todos os atos contra o mesmo, se fizessem ouvir e fossem levados mais a sério. Infelizmente, é cada vez maior a prática, e cada vez mais superior o nr anualmente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens toda a razão, o bullying psicológico pode realmente ser deveras mais violento do que o físico, infelizmente...

      Eliminar
  3. Felizmente passei pela experiência, mas adorei ler as tuas palavras minha querida. De certeza que vão ajudar alguém :)
    THE PINK ELEPHANT SHOE | FACEBOOK | INSTAGRAM |

    ResponderEliminar
  4. Adorei o post, Rafa.
    É muito importante não deixar esse assunto morrer enquanto esse tipo de situação morrer.Tenho certeza que o seu post vai ajudar muitas pessoas. Gostaria de ter lido algo assim há uns sete anos atrás.
    Beijos ♥

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, espero mesmo que ajude alguém! :) beijinho!

      Eliminar
  5. Também já sofri bullying e é mesmo muito difícil e, infelizmente, cada vez mais frequente. Os tempos evoluem mas a mentalidade das pessoas parece não acompanhar essa evolução, o que torna muito difícil aceitar as diferenças, por mais pequenas que elas sejam.
    Concordo com tudo o que enumeraste! É muito importante procurar ajuda e não ficar calado.
    Beijinhos,
    An Aesthetic Alien | Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pode ser que com o tempo as pessoas entendam o quão é mau termos isto ainda presente na sociedade... Beijinho :)

      Eliminar
  6. Sufri de bullying durante uns 4 anos e posso dizer uq eé emsmo horrível, felizmente tinha o meu melhor amigo sempre ao meu lado para desabafar mas cheguei a recorrer ao psicólogo e ajudou imenso! concordo com tudo o que disseste excepto do ponto 4, pela minha experiência por muito que uma pessoa se tente defender e explicar o melhor é fazer ouvidos de mercador (entra a 100 sai a 200) e mostrar indiferença, eles só vão continuar se souberem que nos estão a afetar, porque qual é a piada se a outra pessoa não reage?!

    kiss^^

    Giveaway Back to School | Patsilvarte

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem, eu fazia isso, e olha se só consegui contornar a situação depois de me começar a defender do que diziam! :) na minha opinião, se deixarmos-nos ficar calados é bem pior... Beijinho :)

      Eliminar
  7. Não passei por nenhuma situação dessas, mas como mãe, é um tema que me preocupa imenso. O meu filho, com o seu feitio descontraído, nunca teve queixas nesse sentido, mas como ainda só tem 10 aninhos, muita coisa pode ainda acontecer, por isso tento estar sempre atenta.

    Beijinho

    Lina Soares
    http://trintaporumalinhanoticias.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim Lina, convém estar sempre atenta! Espero sinceramente que ele nunca passe por nada do género. Beijinho!

      Eliminar
  8. Adoro esta iniciativa :D ainda por cima começam com um tema extremamente importante!

    Beijinhos,
    O meu reino da noite ~ facebook ~ bloglovin'

    ResponderEliminar
  9. Eu não posso dizer que tenha sofrido de bullying, porque soube parar as pessoas que gozavam comigo, respondendo. Ás vezes era difícil, porque a minha escola era pequena, a minha turma ainda mais e praticamente não tinha escolha senão dar-me bem com as pessoas que me queriam mal.
    A minha sorte foi ter um feitio complicado e nunca deixar nada sem resposta. Mas de qualquer forma, esses tempos deixaram as suas marcas, principalmente na maneira como lido com pessoas "novas" na minha vida.

    www.princesadescalca.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  10. Esta é uma medida muito importante. Esta publicação devia ser muito publicitada, pela sua importância notória!
    Continua a escrever assim!
    Parabéns pelo projecto!

    ResponderEliminar
  11. Adorei a iniciativa e tocaste num tema mesmo importante! Felizmente agora dá-se mais atenção ao assunto, mas há uns anos era algo que toda a gente ignorava sem sequer se aperceber da gravidade das situações que nos rodeavam!
    xx, Ana

    The Insomniac Owl Blog

    ResponderEliminar
  12. Muito bom post! Realmente este é um assunto que deveria de ser falado mais vezes e é muito importante ajudar quem sofre de bullying, porque em muitos casos as pessoas simplesmente cometem loucuras por não conseguirem lidar com este problema...
    Obrigada por abordares estes assuntos!

    ResponderEliminar
  13. Acho este post fantástico! Tenho pena que este assunto não seja tão abordado como devia. A maior dica que se pode dar a pessoas que sofrem de bullying é mesmo acreditar em si próprios, mas creio que isso não seja algo que se muda de um dia para o outro..

    xx Rita | O blog da Ritinha

    ResponderEliminar
  14. Gostei muito do post e tem dicas ótimas! Sei o que é isso, sofri de bullying no secundário por ter um estilo diferente, uma maneira diferente de pensar, por ser baixa... Podia continuar. Houve uma altura em que realmente me fui muito a baixo, mas consegui superar e hoje, posso dizer com toda a certeza, que consegui alcançar mais objetivos que essas pessoas todas!

    http://mundodablue.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  15. Muitas vezes quem passa por estas situações tem medo de contar a alguém, ou até mesmo vergonha. Mas concordo totalmente contigo :)

    ResponderEliminar
  16. Adorámos o post. É um tópico muito importante, que devia ser abordado mais vezes. Mas achamos que passaste algumas mensagens importantes, de certeza que já ajudaste alguém :)

    Beijinhos

    Welcome to 104

    ResponderEliminar
  17. Ola Linda:) Bom Domingo, adorei o post:) Bjs
    Novopost:http://openklosetfashion.blogspot.pt/2016/09/new-tasting-menu-at-cevicheria-by-chef.html#disqus_thread
    Instagram:@openklosetbykarina

    ResponderEliminar
  18. Excelente post, parabéns! Eu sofri de bullying,por ser calada e fazer o que os professores pediam, estava numa turma bastante problemática, então gozavam comigo ... Para mim apresentar trabalhos perante a turma era horrível porque tinha " medo". Mas chegou a altura em que começei a defender-me e pedi ajuda aos meus pais, foi a melhor coisa que fiz, com o tempo foram ganhando respeito por mim...

    ResponderEliminar