As Crónicas de Nárnia | I Suggest you

Hoje trago-vos uma sugestão de uma saga que adoro e sigo desde pequena, mais precisamente, desde 2005, ano em que o primeiro filme foi lançado em cinema. Lembro-me muito bem do dia em que fui ver As Crónicas de Nárnia - O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa ao cinema. Não sabia bem o que ia ver, nem que tipo de filme era, mas a verdade é que fiquei completamente apaixonada pela história. Para quem não conhece, existem até ao momento três filmes da saga - o primeiro, tal como já referi, é O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa, o segundo é o Príncipe Caspian, e o terceiro, A Viagem do Peregrino da Alvorada. A saga tem uma história baseada em fantasia, mas com várias referências à mitologia grega e nórdica. Na verdade, os filmes são baseados nos livros de C.S.Lewis, que ao todo, são um conjunto de 7 livros. Foi confirmado à uns tempos, que vão apostar num novo filme da saga, A Cadeira de Prata. Tudo indica que sairá já no próximo ano, 2017.


Posso confessar-vos que não há uma única vez que veja os filmes e não fique completamente emocionada em alguma das partes dos mesmos. Ver a evolução dos 4 personagens principais é incrível, mas confesso que a minha personagem favorita é sem dúvida a Lucy. Não há como não admirar Aslam e tudo aquilo que ele representa. Quem já viu os filmes, ou teve oportunidade de ler os livros, sabe do que eu estou a falar. Recomendo-vos imenso ver (ou rever) os filmes agora na época de Natal, sendo que são super alusivos à mesma, especialmente o primeiro. Se por acaso decidirem ir ver a saga, depois digam-me o que acharam! :)

FOR ASLAM

TVShow Time | I Suggest you

Hoje trago-vos uma sugestão bastante diferente do habitual, uma sugestão de uma aplicação, que a minha prima aka Inês me sugeriu e que eu estou a adorar. Esta app está disponível tanto para androids como para ios, e é gratuita. Sendo eu uma pessoa que adora seguir séries, adorei o conceito da app. Além de nos permitir acompanhar as séries que mais gostamos, ficando a saber em que dia saí novo episódio, podemos também assinalar os episódios que já vimos - e isto sim, dá imenso jeito para quem vê séries! Podemos também contabilizar quanto tempo já perdemos a ver episódios, e achei isso super engraçado (neste momento, já perdi 1 mês, 8 dias e 11h da minha vida a ver séries, e não, não me arrependo nada!). Há também a possibilidade de adicionarmos séries que tencionamos ver, para não nos esquecermos e podermos ver também a evolução da mesma. Eu já adicionei por exemplo a "Timeless", "The Flash", "Teen Wolf" e "This is Us" para experimentar a seguir. Já agora, há alguma que me recomendem? Outra coisa que também já percebi é que dá para seguirmos os nossos amigos do Facebook por exemplo, e ver que séries andam a ver, o que também é interessante para conhecermos algumas séries novas! Acho mesmo que o conceito está bastante interessante, e apesar de ainda não ter explorado por completo a app, recomendo-vos imenso! Ah, e já agora, chama-se TvShow Time, para quem quiser experimentar :)


5 coisas que aprendi com Harry Potter

Hey! Decidi começar o mês de Dezembro da melhor forma, e trazer-vos um post com 5 coisas que aprendi ao conhecer toda a história de HP. Porque existem vários detalhes e acontecimentos durante a mesma, que nos fazem reflectir sobre algo, e podemos realmente retirar alguma lição sobre as mesmas. São coisas que gosto de relembrar sempre que necessário, e acho que mesmo para quem não conhece Harry Potter, ou até quem não se identifica ou não gosta (como assim há pessoas que não se identificam ou não gostam?), vão poder identificar-se e talvez guardar estas mesmas lições. 

Expecto Patronum

Para quem não sabe, os Dementors são uma metáfora da J.K. de quando esteve com uma depressão. E o feitiço do patrono - que para quem não sabe, é a conjuração de um guardião, através do pensamento da lembrança mais forte de uma pessoa, de modo a repelir toda a tristeza que o Dementor provoca na mesma - de alguma forma, ensinou-me que nos piores momentos, há sempre algo que nos faz continuar a acreditar e que faz todo o resto vale a pena. É bom mantermos sempre as boas memórias por perto!

Felix Felicis

A Felix Felicis é uma poção, também conhecida por liquid luck ou sorte líquida. Esta é a poção que Harry ganha do professor Slughorn em Harry Potter and the Half-Blood Prince. É uma poção bastante difícil de ser preparada e concebida, no entanto, basta beber uma gota para que a vida de uma pessoa se encha de sorte. Harry finge colocar a poção na bebida de Ron, antes do jogo de Quidditch, para que ele pense que o jogo lhe vai correr bem pois bebeu a poção. Porém, na verdade, Harry nunca chega a colocar-lhe a poção na bebida. Ou seja, Ron apenas foi bem sucedido no jogo porque estava auto confiante e acreditou em si mesmo. Por isso, esta é uma grande lição que também adoro: a auto confiança é mesmo muito importante, em tudo na vida.

O Amor

Em 7 livros, e milhares de palavras, J.K. fez questão de nunca colocar a palavra "amo-te". Com isto, ela quis demonstrar que mesmo não dito de forma explicita, o amor estava lá, de todas as formas - na amizade, no amor, e até na família. Ela quis também demonstrar que nem sempre quem ama mais, é quem mais demonstra, tal como podemos perceber com a personagem Snape. Acho sinceramente, que o amor é o sentimento que mais podemos presenciar ao ver ou ler Harry Potter.

"O Mundo não se divide em pessoas boas e más (...)

(...) Todos temos luz e trevas dentro de nós. O que importa é o lado o qual decidimos agir. Isso é o que realmente somos." Sirius Black. E isto é tão verdade, já pensaram? Todos temos uma parte boa e uma parte menos boa, mas, no final de contas, o que realmente importa é o o lado que escolhemos seguir. 

Sê fiel a ti mesmo

Para quem não sabe, a Luna Lovegood é uma das personagens que mais adoro em HP. Ela mostrou-me que ser espontânea é meio caminho para sermos fieis a nós mesmos, e isso é muito importante. Acreditarmos em algo, seja o que for, e não termos receio de o demonstrar, é também algo que aprendi através dela. 

Black Mirror | I Suggest you

Hey there. Depois de uns dias desaparecida, hoje decidi vir falar-vos de uma série que estou a adorar ver -  Black Mirror. Antes de mais, tenho de vos dizer que esta não é uma série normal. Cada episódio é uma história diferente, sem qualquer ligação de continuidade com os outros. Não há uma sequência exacta de episódios, portanto até podem começar pelo fim. Para quem gosta de filmes e séries super diferentes, com mistério e sci-fi à mistura, vai adorar Black Mirror. Pessoalmente acho que vai muito na onda da mensagem que passam com a série Mr Robot, sendo que fazem imensas críticas à sociedade e está bastante relacionado com a tecnologia. 

Em geral, acho que todos os episódios estão super bem pensados, e além disso, fazem-nos realmente reflectir sobre temas importantes da actualidade. Alguns episódios mais de terror psicológico, e outros são tão estranhos que até chegam a dar agonia. No entanto, recomendo-vos imenso! Além disso, a série acabou de passar para a Netflix, portanto para quem tem, podem vê-la por lá. Deixo-vos também ficar o nome dos meus episódios favoritos, e alguns gifs para vos despertar a curiosidade!

The White Christmas (especial 3 temporada)

Nosedive (1 episódio da 3 temporada)

Fifteen Million Merits (2 episódio da 1 temporada)

Be Right Back (1 episódio da 2 temporada)

ACMA | Santa Giveaway

Hey! Como achei que um giveaway de Natal não era o suficiente, decidi juntar-me a outras bloggers, desta vez, membros do A Cultura Mora Aqui. Assim, vão poder habilitar-se a ganhar mais prémios! Neste giveaway as regras são diferentes, e os prémios também. O sorteio é nacional, acaba dia 11 à meia noite, e serão contactados directamente por uma de nós. Somos 6 bloggers, por isso haverão 6 vencedores diferentes - cada um com um prémio de um blog. Além disso, achamos por bem vocês poderem escolher que prémio gostavam mais de receber, caso fossem vencedores!  Para isso, pedimos que deixem aí nos comentários qual o prémio que preferiam. Deixo-vos uma imagem dos 6 prémios diferentes, para que possam escolher :) As únicas regras obrigatórias são seguirem os nossos 6 blogs, mas depois tem outras entradas extra. Esperemos que gostem e que participem! 

a Rafflecopter giveaway

Monstros Fantásticos e Onde Encontrá-los | I Suggest you

Já estavam a contar que este post saísse, não estavam? Eu e o Ângelo decidimos quase à última da hora, ontem à noite, que íamos ver a sessão da 00h01, que era a sessão de estreia. Óbvio que fui com a minha sweat de Hogwarts e o cachecol da minha casa, Gryffindor. Ainda estava bastante gente, e houve até quem fosse com as vestes de Hogwarts, desde capa, gravata, tudo. Eu adorei todo o ambiente, e ter pessoas na mesma sala de cinema que tem e demonstram orgulho do universo da J.K. tal como eu, foi uma sensação incrível. É impossível descrever-vos a emoção que é ver um novo filme do mundo mágico, numa era completamente diferente. Logo ao início, com o logo da Warner e a Hedwig's Theme, toda a gente se arrepiou. E durante todo o filme, as emoções eram partilhadas por todos nós - e isso sentia-se por toda a sala. No final, todos aplaudimos, super orgulhosos do que tínhamos acabado de ver, e com vontade de que seja já 2018. O filme tem 2h13min, portanto ainda é longo. Já está cotado no IMDb por 8,2 de 10, mas para mim claro que vale muito mais do que isso. Como actores principais, podem contar com Eddie Redmayne, Dan Fogler, Katherine Waterstone e Alison Sudol. Pessoalmente, adorei a actuação de todos eles, sendo que acho que o Eddie foi super bem escalado e adorei a interpretação dele. E tal como diria Luna Lovegood, Things we lose have a way of coming back to us in the end, if not always in the way we expect.”


ACMA | 5 filmes favoritos da Disney

O tema da A Cultura Mora Aqui deste mês é a infância. Para quem ainda não conhece o conceito e não sabe o que é a ACMA, podem saber tudo aqui, neste post de introdução. Bem, este é um tema que além de ser super cute, nos faz realmente ficar super nostálgicos. Eu que o diga, que andei a vasculhar as minhas cassetes de vídeo de desenhos animados. E é o que vos trago no post de hoje, com o tema infância - os meus filmes de animação favoritos da Disney, do tempo em que eu era bem pequena. By the way, aquele cobertor que vocês podem ver ali na fotografia, é o meu cobertor de bebé, que recentemente percebi que lhe fazia alergia. Mas achei giro mostrar-vos porque também foi uma peça super presente na minha infância. 

Os primeiros filmes que vos tenho de falar, são sem dúvida o Rei Leão I e II. São até hoje, os meus filmes de animação favoritos. Não consigo ver um deles e não acabar emocionada, pois além da história ser super bem pensada e bonita, tenho imenso carinho pelas personagens. Os Aristogatos foi outro dos filmes que me acompanhou durante toda a minha infância, e para vocês terem uma noção do quanto adorava esse filme, acho que a cassete até já tem a fita estragada. Eu pedia sempre ao meu pai para voltar atrás no filme sempre que a Marie se perdia e depois aparecia um sapo, ya. Outro filme que adorava ver e que me deixa imensas saudades é o Papuça e Dentuça, muito menos conhecido do que os outros que vos mostrei. Acho que é um filme super educativo, e que mostra o que é realmente a amizade. E o último filme que tenho em cassete e que também adorava ver, era o Dumbo. No entanto, sei que há um filme que não tenho em cassete e que até foi a Ritinha que me lembrou, que eu também adorava ver, e é dos meus favoritos também - o Bambi. E vocês, quais são os vossos favoritos? E quais é que ainda adoram até hoje? 


Aqui podem ver os outros posts do A Cultura Mora Aqui deste mês:

Snacks saudáveis | Fruut

A Fruut é uma marca de snacks saudáveis, 100% naturais, de variadas frutas. Enviaram-me algumas embalagens para que eu pudesse experimentar, e agora vim dar-vos toda a minha opinião sobre os produtos. Antes de mais, gostaria de frisar que não estou a ser paga para falar bem da marca, nem sequer para dar a minha opinião. Portanto, da minha parte podem ter a certeza que vos dou sempre o feedback mais honesto possível. Na caixa que me enviaram, tinha 6 variedades diferentes de snacks de fruta: maçã vermelha, maçã verde, maçã fuji, pêssego, pêra e maçã com canela. 


Sem dúvida que isto é uma boa aposta para comer umas "pipocas" mais saudáveis. E eu tenho-me apercebido que sempre que como um pouco do snack, fico com menos fome! Ou seja, sacia mesmo a fome, além de que como é 100% fruta, não faz mal, de todo. Além disso, é super prático para levar na mala e comer durante o dia - muito mais prático do que levar uma maçã ou um pêssego atrás. E isso é um ponto super positivo! Quanto ao sabor, em geral, adorei. Os meus favoritos até agora foram a maçã com canela e a pêra. O único que gostei um pouco menos foi o de pêssego, mas isso também vai dos gostos da pessoa em si. 


packing penso que foi recentemente melhorado, e isso é realmente notável. Adoro a forma de como apresentam o produto em si, e isso torna-o ainda mais apetecível (desculpem o desabafo à marketeer). Não tem adição de açúcares, conservantes nem glúten, por isso é indicado pra qualquer pessoa e qualquer idade. Além disso, contém alto teor em fibra, o que sem dúvida é um plus. Cada embalagem contém cerca de 3 peças de fruta. A textura da mesma é super crocante, e daí me fazer lembrar de pipocas.


Em relação ao preço, sei que estas embalagens que me enviaram, de 60g, custam cerca de 1,99€, mas também existem embalagens mais pequenas. Sem dúvida que acho que é um snack para ter sempre em casa, pois além de ser super saudável para entre as refeições, é também bastante prático para transportar durante o dia a dia. Também testei colocar no yogurt e adorei! E vocês, já provaram?

November 1st

E o primeiro post do mês de Novembro não podia deixar de ser um pequeno desabafo, convosco, que estão tão presentes no meu dia a dia como tantos meus amigos. Tal como vos tinha dito, combinei com os meus amigos mais chegados, e na noite de 31 para dia 1, fomos jantar fora. Já agora, se são da minha zona, recomendo-vos imenso a quinta Outeirinho, para fazerem este tipo de eventos - ficou toda a gente satisfeita com o serviço e variedade de aperitivos e sobremesas. Depois, fomos até minha casa para cantar os parabéns. E vá que estou bem orgulhosa de mim própria, que em meia hora decorei uma mesa de aniversário apenas com dois tons, dourado e prateado, e com alguns itens que tinha por casa.  Correu tudo super bem, e tenho mesmo que agradecer a todas as pessoas que estiveram presentes e que me deram tantos mimos. É nestes momentos que percebemos que por vezes, a nossa família são mesmo os nossos amigos. Na verdade, até acabam por estar mais presentes do que a família. Sou realmente uma mulher mais feliz por os ter por perto, e só lhes tenho a agradecer por todo o apoio e carinho.

Gostavam que fizesse algum post em especial, ou algum tema que queiram que traga agora neste mês aqui para o blog? Quero imenso trazer-vos conteúdo diferente. Deixem aí as vossas sugestões, sim? :)

Img. retirada do Tumblr.

10 dicas para quem vai a exame de condução

É verdade. Finalmente consegui realizar algo que tanto queria - acabar a carta de condução. E obrigada a todos que me deram força e acreditaram em mim! Esta é uma das coisas que estava previsto eu conseguir antes dos 20, e consegui. Tenho de admitir, estou mesmo orgulhosa de mim própria. A escola na qual me inscrevi, pela segunda vez, ajudou-me imenso em tudo. Além de que o meu instrutor sem dúvida que é um ótimo profissional, e desde já tenho também a agradecer-lhe. Se forem da minha zona de residência, sem dúvida que vos recomendo a Escola de Condução Rolante. Mas bem, este post é para todos aqueles que ainda não foram a exame prático, e que se querem começar a preparar. Se ainda não foram a exame de código, sugiro-vos a ler primeiro este post. Enquanto me preparava para ir a exame, confesso que procurei pela internet dicas para o mesmo, e não encontrei grande coisa. Prometi então a mim mesma que quando tivesse a licença na mão, vos iria trazer algumas dicas. Espero que vos ajude de alguma forma! 


1. Durante as aulas de condução, pratica bastante todas as manobras como os estacionamentos, inversões de marcha e contorno de passeio, e todas os passos para as executar. 

2. Marca exame apenas quando te sentires preparado, mas nunca fiques muito tempo sem fazer aulas! É importante que vás treinando, especialmente nos dias antes do exame.

3. Tira todas as dúvidas que tenhas com o teu instrutor, como por exemplo que tipo de perguntas o examinador pode fazer antes do exame começar. É mesmo importante que não deixes tudo para o dia.

4. Faz um reconhecimento da área onde vais realizar o teu exame. Existem normalmente vários caminhos que te podem calhar, já que é aleatório. No entanto, a tua escola de condução sabe exactamente quais são, por isso podes sempre pedir para realizar por lá algumas aulas.

5. No dia do exame, toma um bom pequeno almoço. Se fores como eu, durante o almoço antes do exame, não vais ter lá muita fome por causa dos nervos. Por isso, tenta alimentar-te bem de manhã.

6. Há três coisas que tens mesmo de fazer antes de começar o exame, e que até já fazem parte do mesmo: ajustar o banco, os espelhos, e colocar o cinto. Exactamente por esta ordem.

7. Tenta manter-te calmo/a durante a realização do exame. Mas acima de tudo, mantém-te atento/a a tudo o que se passa à tua volta. Especialmente aos sinais, ruas com prioridade, passadeiras e semáforos.  

8. Na dúvida, pára. Pára nos cruzamentos, entroncamentos e rotundas. Sempre que precisares. 

9. Anda durante todo o exame bem devagarinho, pois até é uma forma dos 45min passarem mais rápido!

10. Faz as manobras com calma, e sempre a olhar para todos os lados, para veres se não tem nenhum veículo atrás ou dos lados. E não te esqueças dos piscas! :)

ACMA | Monstros Fantásticos & Onde Encontrá-los

O tema principal deste mês no A Cultura Mora Aqui é viagens. Sendo que não sou uma especialista em viajar (a não ser em ter a cabeça na Lua), decidi ficar-me pelas viagens ao mundo da J.K.Rowling. Desta vez, vou guiar-vos numa pequena "pré viagem" ao novo filme do universo mágico - Monstros Fantásticos e Onde Encontrá-los ou Fantastic Beasts and Where to Find Them no seu título original. Apesar de que já estou muito mais habituada a tratá-lo por Animais Fantásticos e Onde Habitam, que é o título em brasileiro e no qual mais se ouve falar nos mídia. Antes de mais, posso dizer-vos que esta nova saga passa-se em Nova Iorque em 1926. Ou seja, cerca de 70 anos antes dos acontecimentos de Harry Potter.



Apesar do tema do filme ser realmente os animais do mundo mágico, e a personagem principal ser o magizoologista Newt Scamander, tenho a certeza que a ação principal do filme não vai ser essa. A J.K. não faz nada ao acaso, e nos últimos trailer já foram mencionados nomes super importantes como Dumbledore e Grindelwald, além de que o símbolo das relíquias da morte apareceram num dos posters oficiais! Mas vou deixar-vos também uma ótima notícia - não vão ser 2, nem 3, nem 4 filmes. A J.K. já anunciou que a saga irá ter 5 filmes! O primeiro, estreia no próximo dia 17 de Novembro.


Deixo-vos ficar com o trailer que foi lançado num evento, em algumas cidades espalhadas por todo o mundo, há uns dias atrás. Recomendo-vos imenso que o vejam, porque acho que está mesmo incrível. Já houveram pessoas que assistiram aos primeiros 10min do filme e dizem que promete! Espero que tenham gostado desta pequena viagem, ao meu lugar favorito - o mundo mágico de J.K.Rowling.


Aqui podem ver os outros posts do A Cultura Mora Aqui deste mês:

Cor Sem Fim - "Músicas Viajantes"
Anda Daí - "Budget para a tua Viajem!"
Oh, Pêssegos! - "Regresso ao Passado"
Once Upon a Time - "Viajando (Portugal vs Estrangeiro)"

Happy Birthday, Inês! | Bobby Pins

Hoje deixo-vos algo que nunca tinha experimentado fazer aqui no blog - entrevistar uma blogger que realmente admiro e costumo seguir. Quis mostrar-vos um bocadinho mais de quem é a Inês Mota, e do seu amor e dedicação pelo Bobby Pins. Ela faz anos hoje, dia 16, em que está a sair este post! Portanto podem sempre passar pelo cantinho dela para lhe desejar um bom aniversário! Espero que vocês gostem tanto de ler como eu gostei de poder fazer estas perguntas à Inês :) Vão ficar a saber de tudo já a seguir! 

R: Olá Inês! Antes de mais, deixa-me agradecer-te por teres aceite este pequeno desafio a que te propôs, e por estar aqui hoje no The eyes! Tenho a certeza que vais ser super bem recebida por cá. Primeira pergunta, porquê “Bobby Pins”? E o que te levou a criá-lo?

I: Rafaela, eu é que agradeço este convite! O Bobby Pins foi um blogue que criei porque já não me sentia motivada no meu antigo blogue. Foi uma página que comecei quando era mesmo muito novinha. Entretanto cresci e senti que o blogue não me acompanhou nesse crescimento, portanto, senti necessidade de começar do zero com um novo blogue. A razão do nome está explicada na minha primeira publicação de sempre no Bobby Pins. Tal como ganchos (bobby pins) eu estava constantemente a perder os textos que escrevia, por o fazer em milhões de lugares e plataformas. Textos especiais que eu não queria perder ou esquecer. E o Bobby Pins é isso; a minha caixinha para guardar textos especiais e nunca os perder.



R: O teu blog transparece muito a tua personalidade (e eu acho isso incrível). Tal como a tua rubrica do Isto é Tão Inês. Achas que ter o Bobby Pins fez com que te conhecesses um pouco melhor em alguns aspetos? E aprofundasses o teu conhecimento sobre alguns temas em geral?

I: Claro que sim! Eu acho que se um blogue não te apresenta um pouco de autoconhecimento, algo de errado se passa. Há muitos textos que escrevo que exigem de mim muitas reflexões e conclusões sobre mim própria ou sobre o contexto da situação e isso tem um efeito muito único no nosso amadurecimento. Eu descobri que não sou só observadora e capaz de retirar conclusões em relação aos outros mas também a mim própria.

R: O que é que a Inês do passado diria à Inês do presente?

I: Depende da idade mas, regra geral, eu diria para ela relaxar. As coisas vão acontecer e não vai perder nada. Vai viver tudo o que deseja, no tempo certo. E vai ser feliz assim. Poupava-lhe a desassossegos.



R: A tua família e amigos mais chegados conhecem o blog? Alguma vez tiveste alguma situação engraçada por lerem um post teu?

I: Sim, conhecem e vão acompanhando mas com alguma discrição. Respeitam muito o trabalho que faço e não dão grande alarido. O Bobby Pins não é conversa diária, muito pelo contrário, raramente é puxado ao assunto. Especialmente porque, para os meus amigos e familiares, aquilo que escrevo não é novidade; antes de eu publicar seja que texto for saibam que já discuti esse assunto pelo menos trinta vezes numa mesa de esplanada. Não há ideias, opiniões, sensações ou desabafos que eles não tenham sabido primeiro. Portanto, não há grande espaço para surpresas, comentários, desacatos ou excitações inusitadas. O que de mais “caricato” pode haver é a minha melhor amiga falar sempre com um grande sorriso sobre o meu blogue às outras pessoas, quando a conversa surge, ou ter alguns serões com a minha mãe a escolher as fotografias para publicar no BOM GARFO ou PASSAPORTE. “Eles vão gostar mais desta foto do que desta”, ou coisas assim. De resto, dão-me muito espaço para ser feliz neste projeto.

R: O que querias ser quando fosses grande?

I: Eu nunca tive muito esses desejos de pensar no que queria ser quando fosse grande. Eu sempre fui um bocado Peter Pan, então não me apetecia crescer e ter um trabalho de “crescidos”. Eu queria ser coisas fantasiosas como “Princesa-Bailarina”, “Veterinária de Dinossauros”… Os empregos convencionais não me diziam nada. A não ser atriz, tive uma fase que queria ser atriz. Temos todos.

R: No Bobby Pins existe uma variedade imensa de categorias e temas de que vais falando. Há algum post que tenhas realmente gostado de escrever em especial? Um favorito?

I: Acho que não tenho propriamente uma publicação preferida. Claro que existem alguns assuntos sobre os quais gosto mais de escrever do que outros porque as palavras fluem mais ao sabor do coração. Gosto muito de fazer publicações mais pessoais, sobre pessoas que gosto e de viagens. São aquelas em que podem ter toda a certeza de que a minha alma está lá completa.

R: O que achas mesmo indispensável em qualquer blog? Gostavas de mudar alguma coisa no teu?

I: Não tenho grandes regras para seguir um blogue. Só aprecio que tenha identidade. Não no sentido “Eu sou X, esta é a foto do meu rosto”, mas sim identidade nas publicações. Que eu leia e sinta a essência da pessoa. Acho que isso deve ser a maior razão de orgulho num blogger; ter publicações que tenham muito a sua impressão digital, que tenham um conteúdo bonito e positivo, sem ser robótico ou sensaborão. É um desafio.
De momento, não quero fazer grandes mudanças visuais no meu blogue. Quero voltar a ter vontade de escrever mais publicações pessoais. É um exercício ao qual não me estou a forçar porque sei que chegarei lá com o tempo. Sem pressas.

R: Pergunta p’ra mil pontos: Quem é a Inês?

I: Também eu me faço essa pergunta. Acho que seria mais justa esta questão ficar dirigida aos meus familiares e amigos. Acredito que diriam que sou uma pessoa que tem ideias e pensamentos que jamais ninguém pensaria, que sou muito cómica e divertida, que falo alto sem saber, que sou um bicho-carpinteiro, muito stressadinha, que faço birras de fome mas que também sou muito trabalhadora, descubro facilmente os tiques e hábitos dos outros, que consolo sem que precisem de pedir, que oiço muito as histórias dos outros, que sou uma chorona à mínima demonstração de amizade/amor, que tenho sempre uma piada na manga (boa ou má), que tenho expressões que mais ninguém tem, que faço por dividir as dores e as vitórias de quem gosto e que sou muito leal às pessoas que admiro.

R: Alguma mensagem que queiras deixar por aqui:

I: Agradecer mais uma vez o convite para esta entrevista e convidar-vos a todos a visitar o Bobby Pins e a sentirem-se em casa por lá!

Presto - Pixar Short Film

Se já seguem o blog à algum tempo sabem o quanto adoro as curtas de animação da Pixar e da Disney. Tem sempre uma mensagem super fofa no final, e além disso são sempre tão bem construídas a nível de animação e com personagens tão queridos! Reparei que já não os trazia nenhuma à bastante tempo, e por isso hoje foi o dia. Apresento-vos a curta Presto (2008), produzida para ser apresentada em cinema antes do filme Wall-E - alguns de vós até ainda se podem lembrar bem do filme, eu pessoalmente adoro-o. Sugiro-vos que vejam a curta até ao fim, e que me digam se concordam com a mensagem que acho que a mesma sugere: as coisas nem sempre são como nos esperamos, mas, não quer dizer que isso seja necessariamente mau.

Curiosidades sobre Harry Potter II

Antes de mais, digo-vos que a primeira parte deste post (que podem ver aqui) foi um dos que mais views teve desde que tenho o meu blog. Começo a achar que vocês são tão curiosos quanto eu! Se há coisa que adoro é saber as coisas mais estúpidas que se pode imaginar sobre as séries e filmes que mais gosto. Neste caso, claro, Harry Potter. Caso não saibam, sou potterhead há bem pouco tempo, mas levo este amor muito a sério - e quem me segue pelas redes sociais ou me conhece minimamente sabe disso. O universo que a J.K. criou é simplesmente fascinante e acima de tudo, muito bem pensado. Por isso deixo-vos com mais algumas curiosidades que achei interessantes partilhar convosco, espero que gostem!

Os Dementors foram criados pela J.K. para simbolizar a sua depressão

O primeiro livro da saga foi publicado nos EUA em 1998, ano em que a história finaliza, durante a segunda guerra bruxa

O espelho de Ojesed (ou Mirror of Erised em inglês), de trás para a frente é Espelho do Desejo

Luna Lovegood escreveu o seu nome invertido no pergaminho da Armada de Dumbledore

Não existe nenhum "Amo-te" nos livros. J.K. quis mostrar que existe amor mesmo sem dizê-lo

Os Trestálios são visíveis apenas para quem já presenciou a morte, pelo menos uma vez 

ACMA | Como combater o Bullying

Para o primeiro subtema do A Cultura Mora Aqui (se ainda não conhecem o projeto cliquem aqui), escolhi um tema bastante sério, e que acho que faz realmente falta de se falar. O bullying é uma realidade bastante triste da nossa sociedade, que pode não vir só de agressões físicas, como também atos violentos de agressões psicológicas. A primeira coisa que vos posso dizer, é que sim, eu passei por bullying durante alguns anos enquanto estudava. E que existem realmente pessoas que fazem mesmo gosto de ver as outras mal, nunca percebi bem porquê. Ou porque não usamos roupa da moda, ou porque temos acne, ou porque somos demasiado fortes ou demasiado magros, ou porque não tens a mesma religião, ou porque somos de outra etnia, ou porque temos outra orientação sexual, ou porque a tua prima tem um gato feio, não interessa o porquê - a verdade é que quem gosta de o fazer, vai sempre arranjar um motivo. Por isso posso por experiência própria, dizer-vos o que vocês devem fazer para que o bullying não seja algo presente nas vossas vidas - seja na escola, no trabalho, nas redes sociais, ou até mesmo em família, como também já assisti. Espero que estes 5 passos que enumerei, de alguma forma ajudem quem precisar.


1. Acredita em ti próprio

Isto é o mais importante. Se tu acreditares, confiares e gostares de ti próprio, as críticas e comentários dos outros não te vão afectar tanto. Se eles te chamam nomes, ou se tem uma ideia completamente errada de ti, o que interessa é que tu saibas o que vales e que te sentes bem contigo próprio exactamente da maneira que és/estás. 

2. Rodeia-te de quem te quer bem

Eu sei que nestas alturas parece que não há ninguém à nossa volta que esteja disposto a ajudar, e acabamos por nos isolar e ficar sozinhos muitas vezes. Mas isso não é bem verdade. Há sempre alguém que te apoia, seja fora da tua turma, ou até mesmo da escola. E é essas pessoas que tu vais precisar ter ao teu lado. 

3. Desabafa e pede ajuda!

Compreendo que seja difícil conseguires admitir e falar sobre o assunto, mas acredita em mim, é o melhor que tens a fazer. Podes desabafar com alguém da tua família, com um amigo,  com um psicólogo (existe sempre um nas escolas), ou a um número de apoio como o 808 968 888 (apoio ao bullying) ou o 213 544 545 (apoio voz amiga). Às vezes até é mais fácil falar sobre o assunto com alguém que não conheças bem, como por exemplo um amigo de um amigo.

4. Não fiques calado

É importante que quando ouves comentários sobre ti, te defendas. Não ignores simplesmente a situação. Age com superioridade e com calma, e mostra-lhes que as coisas não são como eles pensam. Tenta fazê-los pensar que estão a ser imaturos e que não vais baixar ao nível deles.

5. Encontra algo que gostes de fazer

Distraíres-te da situação e evolveres-te com novas actividades e consequentemente com novas pessoas vai fazer-te sentir melhor. É bom que além de te dedicares aos estudos, fazeres algo que gostes é muito bom para te sentires bem contigo próprio. Podes dedicar-te a algum desporto, ou a aprenderes a tocar algum instrumento musical, ou até criares um blog, porque não? 

A Cultura Mora Aqui | Intro

Hey. Então o que vos mostrar hoje é uma pequena introdução ao novo projecto aqui da blogosfera - A Cultura Mora Aqui. Isto surgiu da ideia da Joana do blog Cor sem Fim, que notou que na blogos existia uma abundância de posts relacionados a beleza, outfits e maquilhagem e poucos sobre outros temas. É aí que nós vamos actuar. Reunimos com algumas pessoas muito provavelmente já vossas conhecidas, e decidimos que íamos pegar em temas que achamos que fazem falta de se "ouvir" por aqui. Temas como o cinema, livros, decoração, tecnologia, séries e música são alguns exemplos do que podem esperar da nossa parte pelo menos uma vez por mês! Fiquem já atentos a estes blogs que vos vou deixar a seguir, que dentro de em breve irão ter novidades nossas!


Sofia Duarte - Anda Daí
Dalila Melfe - Miss Melf
Ana Filipa - Oh, Pêssegos
Mariana Santos - Comic Life
Joana Isabel - Cor sem Fim
Daniela Coelho - See For Your Perspective
Pedro Lopes - I am Pedro Lopes

Se te quiseres juntar a nós ainda vais a tempo! Para te poderes candidatar podes enviar um e-mail para a Joana (corsemfim@gmail.com) com os teus dados, idade, blog, e o que tens a oferecer a este projecto. Stay tuned! :D

Diário de uma Potterhead

Desde que me tornei oficialmente uma Potterhead, tenho vindo a descobrir o mundo da J.K. o quanto posso. Desde as curiosidades mais estranhas, aos detalhes de toda a história do mundo bruxo. Para isso, tal como vos disse já anteriormente, sigo alguns youtubers brasileiros que fazem um excelente trabalho dando os seus testemunhos como fãns e acima de tudo compartilhando todos os conhecimentos que adquiriram sobre este nosso mundo à parte. Se tiverem curiosidade, podem procurar por "Observatório Potter" ou "Expresso de Hogwarts" pelo youtube, e vão encontrar vídeos super interessantes. Mas passando então ao tema que realmente me fez escrever este post - o livro que já estava na minha booklist à muito tempo. Os Contos de Beedle o Bardo. 
Para quem não sabe bem o que é, imaginem-o como se fosse o livro da história da "Capuchinho Vermelho" para as crianças bruxas. Nós, Muggles, colocamos sempre nesses contos uma lição a retirar, e com eles não é menos diferente. Tinha imensa curiosidade de conhecer estes contos, e por isso lá arranjei coragem e adquiri o livro na livraria Bertrand. Mas confesso, que o que me fez realmente adquiri-lo foi o facto de conter o Conto dos Três Irmãos (sobre as relíquias da morte). Deixo aqui o excerto do filme em que o conto é lido pela Hermione, e que vos posso garantir que se ainda não conhecem a fundo, vão adorar:

Antestreia do filme NERVE

Bem, digo-vos desde já que isto de ganhar bilhete duplo para a antestreia de um filme é o melhor presente que me podem dar. Lá andava eu pelo youtube, quando abri o vídeo do canal do Tomás Cazaux - que para quem gosta de ver um bom vlogger português, sugiro imenso - e lá tentei a minha sorte no passatempo para ganhar um bilhete duplo para a antestreia do filme Nerve. Quando não é o meu espanto que no dia seguinte tinha um e-mail dele a dizer que fui uma das pessoas que ganhei o bilhete? 

O filme foi no Arrábida Shopping, e eu que nunca tinha ido lá ao cinema fiquei super bem impressionada com tudo: as pipocas, o tamanho e o conforto das salas, o ambiente. Quem sabe apreciar uma boa sessão de cinema sabe bem do que falo! Quanto ao filme, posso-vos dizer que vale super a pena perderem uma horita a verem. Surpreendeu-me pela positiva desde o inicio. É exactamente o género de filme que eu adoro ver, uma mistura de mistério e suspense com uma óptima história pelo meio. Conta a Emma Roberts e Dave Franco como protagonistas, e fiquei a adorá-los. Recomendo-vos imenso o Nerve se gostam de filmes que vos prendam de inicio ao fim e que vos façam sentir 1001 emoções diferentes. Eu adorei a experiência :D

Awkward | I Suggest you

Depois de saber que a Faking It não vai ter mais continuação devido às audiências, decidi finalmente dar uma oportunidade a outra série MTV, a Awkward. Admito que não sei porque nunca me deu vontade de ver esta série, talvez porque vi um ou outro episódio na tv e não achei nada de especial. Mas pronto, lá arrisquei, já que ouvi por aí que era um estilo de série bastante semelhante ao Faking It e ao The Secret of Life the American Teenager - que também já acabei de ver à uns meses atrás. São um género de séries que retratam o dia a dia e os problemas de adolescentes, com várias histórias de romances pelo meio. Vá, é mais ou menos isto. Os episódios são quase todos de 20min, e já estou a meio da terceira temporada. O que vos posso dizer? Fiquei viciada desde o primeiro episódio. A nível de personagens, tenho gostado bastante de ver a evolução da personagem principal, Jenna, e também adoro a personalidade do personagem Jake. E vocês já viram Awkward? Qual a vossa temporada favorita? (By the way, ansiosa que saiam as legendas do primeiro episódio da nova temporada de PLL!).


Catastrophe Cosmetic | Tiny Review

Houve pessoal que me veio perguntar à cerca da máscara fresca da LUSH, que vos falei neste post aqui. A Catastrophe Cosmetic foi um miminho que me enviaram na minha última encomenda, e durante esta semana estive a testá-la para poder-vos dar um feedback. Posso também dizer-vos já que não estou a ser patrocinada pela marca nem coisa parecida, simplesmente sei que há por aí malta que gostava de saber mais sobre o produto. Então aqui fica :D

Esta máscara fresca tem como objetivo evitar os desastres da pele, acalmando-a com as suas propriedades antioxidantes, vitaminas e minerais. Promete reduzir a inflamação da pele e agir como um leve antiséptico. O produto chave são os mirtilios, mas também conta com a ajuda de camomila, algas e óleo de amêndoas. Uma embalagem de 75g custa 9,25€. Tem de ser guardada no frigorífico, e ser utilizada até à data que diz na embalagem.

Ao aplicar sente-se logo uma frescura pelo rosto, e sabe mesmo bem, principalmente quando está mais calor. Depois começa a secar suavemente na pele, mas sem repuxar. Passado uns 5 minutos já podemos sentir que a consistência da máscara se altera e começa a ficar em "pó talco". Pelo menos é a sensação que me dá! E começa a esfarelar um pouco. Ao retirar com água morna, passado uns 10/15min depois da aplicação, a pele fica super suave e com a sensação de que temos uma fina "camada protectora". Eu tenho sentido melhorias no meu rosto, até porque tem ajudado a livrar-me dos pontos negros e a limpar a pele. Recomendo-vos! :)

Things I bought this month

Durante este mês decidi mimar-me um bocadinho, porque às vezes também nos faz bem não é? Aventurei-me a comprar online e desde então não quero outra coisa. Já vos tinha dito que andava à procura de uma mochila castanha à algum tempo, e depois de muito a admirar na Stradivarius, apesar de não ser bem a cor que eu queria, lá a comprei. Vai dar imenso jeito agora para o Verão, e quando eu me cansar das fitinhas que trás, sempre posso por para dentro. O EOS já é um item indispensável desde que comprei o primeiro, que podem ler review aqui. Está a acabar, e por isso desta vez mandei vir um azul com sabor e cheirinho a blueberry. Mandei vir também uma réplica da paleta Naked da Urban Decay. Sei que não vai ter nada a ver e assim, mas tenho visto boas reviews das réplicas que se vende no ebay, e como a outra paleta de contorno que lá comprei em mim resultou tão bem, resolvi experimentar. Da LUSH já estou habituada a comprar de vez em quando, e apesar de se pagar bastante de portes de envio (cerca de 5€) vale bem a pena, até porque eles são sempre atenciosos e costumam mandar também várias amostras de outros produtos. Desta vez decidi experimentar uma manteiga de banho (Floating Island) e uma balística que já tinha experimentado no Natal e adorei (Butterball) que na altura era o Butterbear. Vou deixar-vos os links online aí em baixo para se quiserem alguma coisa :D Quando chegarem as coisas da LUSH mostro-vos! Beijinho!


7 dicas para quem vai a exame de código

Hoje de manhã publiquei na página de Facebook do blog a dizer-vos que passei no exame de código. Recebi tantas mensagens e comentários a dar parabéns, e tenho mesmo de vos agradecer do fundo do coração por todo o apoio! Confesso que para mim foi uma vitória e que estou super contente! Achei então que seria um bom tema para vos trazer por aqui hoje, até porque se eu tivesse lido um post destes antes de ter ido a primeira vez a código, tinha-me ajudado muito mais. Por isso venho dar-vos uma espécie lista de dicas que reflectem o meu testemunho, e espero que consiga ajudar-vos em algo.


Fiquem então com as minhas 7 dicas:

1. Arranja um caderno preto para levares contigo para as aulas de código. Tira apontamentos o máximo que poderes, mas à tua maneira e de forma a que saibas que vás perceber aquilo que lá está escrito. Utiliza marcadores de cores, pois para quem tem "memória gráfica" é mais fácil para decorar!

2. As aulas de código são pagas para as usufruíres. Usa e abusa delas sempre que tiveres oportunidade para lá ir. 

3. O site do Bom Condutor vai ser o teu melhor amigo por algum tempo. Lá podes fazer testes por temas específicos ou testes normais, podes ver o teu desempenho ao longo do tempo, ver os temas que mais erras e até mesmo estudar por lá. Aconselho imenso que decorem a tabela das velocidades pelo vídeo que lá tem na biblioteca!

4. Se tiveres um livro auxiliar de estudo, anda com ele atrás de ti e vai lendo, mesmo que ainda não tenhas dado a matéria toda. Sublinha o que achares mais importante com cores!

5. Faz pequenas cábulas em post-it's e sintetiza as matérias que mais tens dificuldade através de desenhos e pequenas palavras. Cola-os na tua secretária de estudo ou pelas paredes do teu quarto. Isso ajuda-te a olhar para aquilo todos os dias e faz com que inconscientemente saibas o que lá está escrito.

6. Faz muitos testes! Muitos mesmo! 

7. Acredita em ti próprio. Acredita que consegues, e por favor, se positivo! 

QUALIFICA - Opinião e recebidos

Para quem já me tinha ouvido falar sobre a Qualifica, feira de educação, formação, juventude e emprego da Exponor, soube que fui convidada pela organização para lá estar ontem (Domingo, 17 de Abril). Era para ter gravado Vlog para vocês, mas infelizmente não deu. Por isso, trago-vos algumas fotografias que tirei já em casa, dos produtos que recebi, e a minha opinião sincera quanto à feira em si. Eu por acaso já conhecia esta feira, de anos passados de quando ia fazer divulgação da minha escola. Já estava dentro do conceito, e por isso já sabia mais ou menos o que esperar. Este ano, tinha muito menos expositores/marcas/escolas, e de certa forma foi bom, porque houve um ano ou dois que aquilo estava mesmo completamente cheio e nem sequer dava para ver-mos tudo. Tive imensa pena de não poder ter ido no Sábado em vez de Domingo, para ver a final do torneio de League of Legends entre escolas (até deram skins e tudo!). Mas pro ano estou lá de certeza! Adorei o facto de terem criado um spot para bloggers/youtubers, e a verdade é que na minha opinião funcionou bastante bem. Conheci por lá a Sara do Loveliness by Sarah e a Ângela do Princesa sem Tiara, e foi super giro, até porque dá sempre para nos conhecermos um pouco melhor e falarmos de cenas-de-bloggers. Foi gratificante ver a alegria das crianças e adolescentes ao irem cumprimentar e tirar uma foto com o Tiagosvki e a Miss Mushrooms, dava para perceber a cara de alegria deles quando saiam de lá! 


Fui muito bem recebida pela organização, que me acompanhou até dentro da feira e me ofereceu um saco de produtos que algumas marcas me tinham deixado para experimentar. Tirei ontem uma foto para o Instagram, onde podem ver uma caixinha da Inoeh, com vários produtos - uma manteiga de corpo, dois vernizes, um removedor de verniz sem acetona, um bloco de notas, e tinha também umas gomas em forma de corações, que por motivos óbvios já não se encontravam na foto! :D Depois, fui ao stand da B.U., uma marca que muitos de nos já conhecemos, no mínimo por vermos no supermercado. Pediram-me para tirar uma fotografia no stand, e depois entregaram-me uma saquinha com alguns produtos - um desodorizante da nova gama, um creme de banho, uma amostra de outro creme de banho, uma pen-drive de 8g super gira, e amostras de perfumes! Fiquei deliciada é claro, até porque sempre adorei os produtos da marca. Também podem ver uma foto que tirei para vos mostrar. Algum produto que gostassem de ver review aqui no blog? :)