5 filmes que tens de assistir

Durante a última semana, fiz uma pequena lista de filmes que gostava imenso de por em dia. E todos os dias, de segunda a sexta, escolhi um para assistir. Não houve um que não adorasse, e por isso tinha mesmo de vos trazer estes títulos para que também possam desfrutar de bons filmes! Normalmente, o estilo de filme que mais gosto de ver é sem dúvida ficção científica/sci-fi. No entanto, aqui nesta lista também encontram alguns dramas/romances. São óptimos filmes para vermos sozinhos, já que nos transmitem tantas emoções e nos fazem reflectir. Digam nos comentários se já viram algum destes, e caso não tenham visto, aproveitem para ficar já com umas ideias do que ver agora nas férias! 





The Shack


Sem dúvida que para mim, este é o filme do ano. É uma história de amor, coragem, e sobretudo, de experiências que mudam completamente as nossas vidas. Mostra-nos ideias diferentes e faz-nos reflectir sobre as mesmas. O filme mostra-nos um pai que se culpa pelo rapto, e provavelmente o assassinato, da sua filha de seis anos, e revela-nos todo o processo para se voltar a aceitar e viver com a perda. Apesar de ser um filme envolvido com o tema da religião, acho que qualquer um de nós deveria assistir, pois o que o filme nos transmite é sem dúvida de que não precisamos de colocar um nome nas coisas em que acreditamos. 
2:22




Este é daqueles filmes de fantasia/ficção científica dos quais eu costumo adorar. Ao longo do filme podemos seguir os vários padrões sinistros de eventos que acontecem na vida de Dylan, que se vão repetindo diariamente, acabando sempre às 2:22h. Ele acaba por descobrir a razão dos acontecimentos, que na verdade, tem tudo a ver com dar segundas oportunidades a um amor. Podem encontrar este filme em cartaz a partir do início do próximo mês, porém, sei que algumas marcas estão a sortear bilhetes duplos para verem a antestreia do filme em Lisboa e no Porto (eu já participei, não me importo nada de ver novamente!), portanto aqui ficam alguns sítios onde podem participar: Canal Hollywood, EuroGamer.pt, Mais Superior e Pris Audiovisuais.

Before I Fall



Acho que toda a gente já viu este filme, eu é que andava atrasada no tempo. No entanto, sabia que tinha de o riscar da lista. E digo-vos, valeu a pena. Sei que também existe o livro, e quero imenso ler, pois provavelmente ainda vai estar melhor do que a adaptação. Não conhecia a actriz (Zoey Deutch) que interpreta a personagem principal, mas fiquei a adorá-la, e quero sem dúvida ver mais filmes dela. Este é mais um filme de drama/ficção científica, em que nos mostra um bocado do Efeito Borboleta. Se não sabem o que é, posso deixar-vos aqui uma pequena definição: "Efeito Borboleta um termo que se refere à dependência sensível às condições iniciais dentro da teoria do caos. Este efeito foi analisado pela primeira vez em 1963 por Edward Lorenz. Segundo a cultura popular, a teoria apresentada, o bater de asas de uma simples borboleta poderia influenciar o curso natural das coisas e, assim, talvez provocar um tufão do outro lado do mundo". Adoro este género de filmes, e uma das minhas triologias favoritas é também sobre este mesmo tema e com o mesmo nome, "The Butterfly Effect". Aconselho-vos!

1 Night



Aconselho este filme a quem gosta de drama/romance e quem não se importa com filmes em que a acção se passa quase sempre no mesmo espaço/cenário. Pessoalmente, costumo gostar deste estilo se o argumento estiver bem estruturado. No entanto, acho que este é um filme mais para descontrair, já que é bem simples de assistir. Adorei a actuação de Evan Hofer e da Isabelle Furhrman, e acho sinceramente que estes actores ainda vão dar muito que falar. 

Brain of Fire


Mais um filme incrível protagonizado por uma das minhas actrizes favoritas de sempre - Chloe Grace Moretz. Este é um filme que nos prende não só pela fantástica personagem que a Chloe desenvolve, como também derivado à história ser completamente diferente daquilo a que costumamos estar habituados a assistir. Resumidamente, vamos acompanhado o conflito/transtorno que a personagem principal tem, até que no fim é diagnosticada com uma doença rara, tendo então tudo uma explicação. A história é baseada em factos reais, o que torna tudo ainda mais emocionante.